Casa Arthur Bernardes
 

Casa Arthur Bernardes

Na praça Silviano Brandão, 69, Centro de Viçosa-MG, se situa a Casa Arthur Bernardes. Antiga residência do ex-Presidente da República, Dr. Arthur da Silva Bernardes, cidadão viçosense, criador da Escola Superior de Agricultura e Veterinária (ESAV).

Sua Construção em estilo eclético durou o mesmo período de seu mandato como Presidente da República (1922 - 1926) e ficou sob a responsabilidade do engenheiro João Carlos Bello Lisboa. É uma construção sólida, elegante e bem acabada, de dois pavimentos com varandas e uma imponente escadaria de um lance, com guarda-corpo e balaustrada. O Dr. Arthur Bernardes habitou essa casa por pouco tempo, somente por breves períodos de férias, quando trazia sua família para descansar e rever os amigos concidadãos. No entanto, a considerava seu verdadeiro lar.

A casa foi tombada pelo Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico - IEPHA/MG em 10 de outubro de 1995 e adquirida pela Universidade Federal de Viçosa em 29 de dezembro desse mesmo ano. Finalmente em 26 de agosto de 1996, após algumas providências de conservação, preservação, pintura e montagem, foi inaugurado o memorial Arthur Bernardes, integrado ao complexo da Casa Arthur Bernardes, juntamente com o Centro de Estudos Históricos (sede a ser construída), na administração universitária do Reitor Prof. Antônio Lima Bandeira, com a finalidade de exaltar a memória do Presidente Bernardes, pesquisar e preservar o acervo legado por ele.

O acervo original foi constituído mediante compra pela UFV, além de doações da comunidade e dos familiares do homenageado, tendo grande ênfase em sua coleção iconográfica. O Presidente Bernardes, expoente do nacionalismo brasileiro, desfruta do privilégio de ter seu nome exaltado, sobretudo, pelo emprego de toda a sua energia na defesa da exploração do petróleo, na luta contra a "Itabira Iron", a qual pretendia o direito de explorar o minério de ferro de nossas jazidas, no combate contra a instalação do Instituto Internacional da Hiléia Amazônica, que tinha por objetivo o desmembramento da Amazônia do território brasileiro, e na criação da Escola Superior de Agricultura e Veterinária, hoje Universidade Federal de Viçosa.

A administração do memorial fica a cargo de um conselho consultivo, formado por três funcionários da UFV, três membros da comunidade viçosense e seu presidente, que responde pela coordenação dos trabalhos ali desenvolvidos.

Desde a sua inauguração, a Casa Arthur Bernardes tem promovido intensamente eventos artístico-culturais, na forma de palestras, exposições e seminários, bem como oferecido atendimento a instituições educacionais e culturais, como parte de seu trabalho extensionista, cumprindo a política adotada de eleger aqueles que possam promover o maior intercâmbio cultural entre a UFV e as comunidades municipal e regional.

Contato
Praça Silviano Brandão, 69
Centro, Viçosa – MG
CEP: 36570-000
Telefones: 31 3899 1373 / 31 3899 2862

Horário de Visitação Pública
De terça a sexta, das 9h às 17h30.
E aos sábados e domingos, das 8h às 11h30.